Categorias
Artigos

Exercício físico: um ótimo remédio para combater o estresse

Diversas pesquisas indicam que, quando excessivo, o estresse pode levar a dificuldade de concentração, cansaço mental, indiferença emocional, agressividade, incapacidade de relaxar, perda de memória imediata e apatia. Pode prejudicar a criatividade e produtividade, provocar crises de ansiedade, humor deprimido, diminuição da libido e problemas de ordem física, afetando o sistema imunológico e o prejudicando o bom funcionamento das defesas do corpo.
Em decorrência dos permanentes desafios enfrentados no trabalho, tráfego intenso nas grandes cidades, a violência urbana e a involuntária negligência em relação aos hábitos saudáveis – como se alimentar e dormir adequadamente – o estresse tornou-se cada vez mais frequente na vida moderna, afetando um número crescente de pessoas.

Mexa-se

Dentre outras medidas, a prática regular de atividade física é das maneiras mais eficazes e divulgadas de combater o estresse. Dentre os benefícios da prática rotineira de exercícios, temos a redução dos níveis de ansiedade e depressão, melhora do humor e aumento da sensação de bem-estar e da autoestima.
Do ponto de vista psicofisiológico, a atividade física regular age diretamente na liberação de alguns hormônios. Dentre eles, podemos citar o cortisol, que atua como um potente anti-inflamatório natural; ainda temos o hormônio glucagon, que atua no fígado aumentando a quantidade de glicose lá depositada; o GH, nosso hormônio de crescimento (produzido naturalmente pela glândula Hipófise localizada no cérebro) que, entre vários efeitos, produz sensação de bem-estar; e, finalmente, a secreção de endorfina, produtora da sensação de prazer e responsável pela melhora da qualidade do sono.

Xô stress!

Portanto, se você está tentando deixar o estresse de lado ou não quer nem saber desse mal, comece a praticar exercícios físicos regularmente, mantenha uma alimentação equilibrada e aposte em hábitos saudáveis.

Categorias
Artigos

A relação entre intensidade e volume de treinamento

Qualquer pessoa que esteja treinando para melhorar sua capacidade física, seja ela força, resistência ou outras, deve ter em mente e atentar para alguns princípios básicos da relação entre intensidade x volume. Essa relação, apesar de muito útil a qualquer pessoa ativa, acaba não sendo muito difundida, dando margem a erros significativos e até perigosos.
De maneira geral, podemos dizer que intensidade e volume são inversamente proporcionais. Sendo assim, ou se dá prioridade para a intensidade, ou se dá prioridade para o volume. Por exemplo, um maratonista jamais terminará a prova se correr no ritmo de um tiro de 100 metros, da mesma forma que um velocista não pode correr provas curtas em ritmo de maratona.

Como alcançar o equilíbrio?

Trazendo estes conceitos para a musculação, por exemplo, podemos dizer que o volume diz respeito ao tempo de treino, número de repetições, velocidade e tempo de descanso. Já a intensidade é dada pela carga, velocidade de execução, tempo de descanso e outros.
Um bom treino é aquele que considera os dois aspectos (intensidade e volume) de forma proporcional, ou seja, uma corrida ou treino de musculação nunca devem ser intensos e volumosos ao mesmo tempo. Devemos sempre priorizar, de acordo com a proposta do treino, um dos dois aspectos.
Diante disso, cabe ao professor saber relacioná-las para que os resultados esperados pelo alunos sejam alcançados de forma segura e consistente. Como exemplo, os profissionais da Pulse estão sempre atentos ao equilíbrio da interdependência entre volume x intensidade e, com base no Pulse Profile (nossa plataforma de atendimento personalizada e exclusiva), todos os treinos prescritos na academia são elaborados seguindo princípios como sobrecarga, continuidade, adaptação, individualidade biológica e outros, fazendo, dessa forma, com que o aluno alcance os resultados esperados de forma segura e no menor espaço de tempo.
Em suma, um bom treino de musculação, corrida ou outros esportes deve ter como princípio básico o equilíbrio entre volume e intensidade. Diante disso, buscar um bom profissional é essencial, pois ele irá aliar os conhecimentos e observações de suas reações ao treino para encontrar o equilíbrio necessário aos seus objetivos.
Bons treinos!